Pular para o conteúdo principal

Meu Momento ♡

Você poderia ter sido o homem da minha vida

[Você pode ler este texto ao som deSay Something]
           Olá, espero que as coisas estejam fluindo na sua vida desde a última vez que nos encontramos. Faz um bom tempo que meu coração fica inquieto e pede para que eu escreva para você, bom, confesso que já escrevi umas duas vezes e em seguida rasguei o papel. Dessa vez resolvi escrever aqui, não te enviarei, mas eu sei que um dia acabará chegando em você.         Bom, a primeira coisa que queria te dizer é que você poderia ter sido o homem da minha vida, talvez não no momento que nos esbarramos na primeira vez, mas quem sabe agora ou lá na frente, porém, não é e nem será, é, você estragou tudo (não falo do nosso pseudo-relacionamento), você  mostrou ser alguém que eu não gostaria de dividir nenhum segundo do meu dia, quanto mais minha vida.          Não, não tenho mais raiva de você, por muito tempo tive medo, sim, medo, você me fez sentir algo que nunca imaginei que sentiria, e hoje olho para o mundo com outros olhos, me sinto ma…

Doce alegria



Hoje acordei mais feliz que o de costume, acordei cedo cantando e sorridente em pleno sábado e mais, com aula o dia inteiro. Estranho né? Talvez essa sensação fosses motivada pelo fato de ser a ultima aula da faculdade (assim espero, dá uma forcinha ai Papai do céu). A aula era sobre o Corpo. E o professor questionou se alguém já conseguir se sentir feliz de corpo inteiro. E eu prontamente respondi que hoje eu estava me sentindo assim e logo tive que explicar, na hora não soube responder apenas senti que estava feliz. Depois pensei sobre o assunto e vi que todos os ‘setores’ da minha vida estão nos trilhos ou pelo menos entrando neles.
Acabei lembrando dessa confissão aqui feita a mais de um ano atrás. E posso dizer que realmente mudei, não sei se por atitudes pensadas exatamente ou pelo simples fato de nada ser imutável. Mais hoje posso dizer-me uma pessoa bem-aventurada.
Na faculdade eu conseguir vencer as batalhas impostas (falta o resultado de uma, espero que tenha me saído vitoriosa também).
Profissão continuo ainda na categoria de estudante, mais isso mudara daqui alguns dias. Sinto-me mais animada, confiante e por que não dizer enamorada com minhas perspectivas.
No amor continuo a mesma romântica incurável de sempre (solteira também. ¬¬), mas jamais desacreditei no amor e na força dele. Espero que eu possa vivê-lo novamente e enquanto isso não acontece vou sonhando, falando e sentindo.
Como filha consegui me perdoa pelos erros e conseguir ‘gritar’ meu pedido de desculpa. Hoje estamos mais unidos do que nunca, pena que não sou mais tão pequenininha pra ser carregada no tuntun.
E por fim como Diandra, posso dizer que me aceitei e que me encontrei. Claro que essa busca por mim mesmo não acabou e nem vai acabar, mais a Diandra de hoje me agrada e me dá doces alegrias!
Ordem do dia: Obrigada meu Deus! Obrigada tempo! Obrigada!

Postagens mais visitadas